• Wilson Sagae

Entrevista com Koichi Tohei

O que é verdade no Aikido?

por Stanley Pranin

(Entrevistado em 8, 1996 na Ki Society Headquarters, Tokyo)

Este artigo foi retirado do Aikido Journal 109. Agradecimentos especiais ao veículo)

Unificação de Mente (Shin Shin Toitsu) e Corpo e Ueshiba sensei.

Ueshiba Sensei foi um indivíduo que mostrou o que significa existir em um estado relaxado, para possuir um ki verdadeiro, e ter ma mente e o corpo unificados. Sua postura era sólida como uma rocha e você não conseguia move-lo não importa o quanto o empurrasse ou puxasse, ainda que ele me dissesse para lançar-me com vigor, eu fracassava sem ao menos sentir que ele estava usando quanquer tipo de força. Eu ficava maravilhado que uma pessoa como aquela pudesse existir no mundo.

Mais que qualquer outra coisa, Ueshiba sensei me ensinou que o estado relaxado é o mais poderoso. Ele era a prova viva disso.

Eu não penso que atualmente haja alguém verdadeiramente capaz disso do modo como ele fazia. Essa verdadeira maravilhosa qualidadeque ele conquistou por meio de muita dor - não estórias sobre ele arrancando árvores do chão e outros absurdos - é o que nós tentamos deixar para as futuras gerações.

Por que Ueshiba sensei proibiu shiai (competição)

Ueshiba sensei não concordava com competições. Em um shiai verdadeiro o objetivo é privar seu oponente, inteira e completamente, de todo de todo poder; falhando nisso, você não pode reclamar a vitória. Por outro lado, o moderno shiai é regido por regras que foram estabelecidas em função da segurança e para preservar as vidas dos combatentes, e é por meio dessas regras que a vitória e a derrota são determinadas.

Essas competições, de qualquer modo, atualmente são esportes, e não podem ser considerados verdadeiros shiais no verdadeiro sentido da palavra. Judô, por exemplo, foi planejado para que os competidores possam deixar o tatame depois de serem arremessados um certo número de vezes. Isso é possível apenas porque o judô é um esporte; na realidade esse tipo de coisa não ocorre.

NO passado, shiai significava que você tentaria de qualquer modo matar ou severamente machucar seu oponente, ou aos menos coloca-lo incapaz de oferecer resistência. De outro modo, a disputa seria considerada inconclusa ou sem vencedor.

Budô, pela sua natureza própria não envolve lutas competitivas. Se você examina o caracter chinês você verá que o verdadeiro significado é "o caminho de parar a arma". Você baixa sua arma ao mesmo tempo que faz seu inimigo baixar a sua. Em outras palavras, derrotar pessoas não é o objetivo; o objetivo do verdadeiro budô é a realizar e perfeccionar a si mesmo. Isto é o que Ueshiba sensei sempre disse.

Para manter nossa segurança e preservar nossas vidas nós temos que estabelecer regras. Mas definir vitória e derrotar usando aquelas regras automaticamente nos coloca no campo do esporte. E Ueshiba sensei foi incisivo tada a sua vida que aikidô é budô, não um esporte.

O que Ueshiba sensei ensinou

Enquanto Sensei sentia profundamente esses princípios subjacentes do budô, ele nunca realmente nos ensinou sobre isso em termos concretos. Quando estávamos treinando ele podia aproximar-se de nós e dizer para que "colocássemos alguma força naquilo". E, mesmo assim, quando ele mesmo demonstrava as técnicas ele ficava completamente relaxado. O que ele dizia e o que ele fazia, em outras palavras, eram completamente diferentes.

Ele também costumava dizer coisas fantásticas como "Os deises, feito fumaça, entraram em meu corpo" e "Em todo o mundo, passado e presente, mesmo entre santos e homens sábios, nunca houve alguém que pudesse entender o que digo, e mesmo eu, quando digo isso, não entendo". Agora, como poderíamos fazer alguma coisa com falas como aquela?

Sensei era sólido como uma rocha mas também muito relaxado, e aquela combinação fez dele extremamente forte. Ele tinha dominado o relaxamento por completo integrando isso em seu corpo.

Se eu não mtivesse sido afortunado o bastanta para encontrar Ueshiba sensei, eu provavelmente teria vivido toda a minha vida sem ao menos saber sobre esse tipo e nível de relaxamento. Eu sou muito grato a ele por haver me mostrado isso.

Eu nunca dei muita atenção ao que sensei dizia como ao que ele fazia. Você podia perguntar a ele todas as questões que quisesse e nunca entender suas respostas. Ele aoenas mostraria a você e diria alguma coisa de efeito como "isto é feito deste modo".

Eventualmente eu também encontrei Tempu Nakamura sensei, de quem, pela primeira vez, eu ouvi as palavras "a mente move o corpo". Ouvindo isso eu pensei "É isso! Isso é tudo que precisa ser feito. Isso é tão simples!" Eu comecei a observar mais atentamente para aquele tipom de coisa e acabei descobrindo que Ueshiba sensei podia mover o corpo de seus oponentes porque liderava suas mentes (kokoro). E ele fazia isso de uma maneira completamente relaxada. Teria sido muito bom se ele simplesmente nos ensinasse isso, mas ele nunca o fez.

Depois, pensando a respeito por um tempo, eu me dei conta que para a mente liderar o corpo, e a seguir liderar a mente do oponente, você primeiro tem de ser capaz de controlar sua própria metne. Eu, com grande entusiasmo, , me pus a estudar como fazer isso. Em outras palavras, eu tinha descoberto que unificando mente e corpo e o pilar fundamental do aikidÔ.

Não obstamte, porque sensei continuava dizendo coisas como "segure seu oponente com muita força" quando ele ensinava, a pessoas interpretavam errado o que ele dizia. Quando ele morreu, o tipo de aikidô que ele queria passar para nós simplesmente desapareceu.

Os "4 princípios maiores de Unificação de Mente e Corpo" que eu ensino agora são atualmente coisas que Ueshiba sensei demonstrava com seu corpo. O Shin Shin Toitsu aikido que eu ensino é o aikidô que Ueshiba sensei queria ensinar.

Muito do aikidô de hoje, é o caminho conveniente no qual as poessoas praticam os leva a técnicas não efetivas que são passadas como a coisa real. Esse tipo de aikidô só pode ser criticado e ridicularizado. As pessoas tomam vantagem do fato que não há competições no aikidô e levam a si mesmas a treinar da maneira mais conveniente. O resultado é que eles levam a si mesmas à auto-satisfação, prepotência e arrogância. Com a morte de Ueshiba sensei, o verdadeiro ki e os princípios de unificação de mente e corpo foram varridos do aikidô.

0 visualização